Skip to content

Assessoria Politica com Gilberto Lobato Vasconcelos

Outubro 27, 2009

 por Bárbara Scarelli

IV Encontro de Comunicação E Letras

A palestra começou com 20minutos de atraso, contanto atraso do palestrante e demais perdas de tempo com presença. Gilberto Lobato Vasconcelos já trabalhou no metro news,diário popular, grupo JovemPan e hoje e assessor de imprensa de um vereador do partido dos trabalhadores PT na Camara de São Paulo, trouxe para auxilia-lo seu amigo o fotógrafo Chico Alves. Logo de início pediu que o chamassem de Giba, querendo aproximar os alunos.

Deu inicio a palestra parafraseando Aristóteles “O homem é um ser político”. Disse que descobriu a política na prática , não era nada de que aprendeu na teoria. Em sua opinião a politica nunca vai acabar, porque hoje a politica é pautada pela comunicação, logo, enquanto houver comunicação haverá politica. Giba diz que o grande problema da politica é que ela quer mudar a sociedade mas não quer ser mudada. E o grande problema do PT é achar que todos os seus problemas são culpa da mídia.

Chico Alves é fotografo trabalha hoje na Agência Estado mas já trabalhou em diversas editorias inclusive no diário popular onde conheceu Gilberto, falando sobre imagens disse que “a foto é a imagem da realidade”, que a imagem tem um peso muito forte na construção da opinião. Que a única coisa que ele pergunta quando vai a campo a única coisa que ele quer saber é que tipo de matéria o jornal quer em termos de imagem, deixando claro que a foto é uma imagem construída.

Giba, ressaltando sobre o assunto disse que fotos são primordiais para campanhas políticas, e é algo que quando sai no jornal o assessor não pode controlar, por se tratar de algo que todos estão vendo, uma foto pode levar o politico à ascensão ou ao chão. Disse que o modelo de assessor individual e não uma equipe que é o caso dele, para a política é mais viável, porque ele participa do dia-a-dia do político sendo assim já conhece o seu perfil e o publico alvo do assessorado , que a maior dificuldade é construir a parte intelectual do vereador, o que não se resolve do dia para a noite. Vê ainda a importância do politico que tem um perfil popular (povão) de alcançar o publico classe média que é que forma opinião. Um dos alunos questionou se o assessor não tem o papel de “advogado do diabo” como muitos pensam. Giba concordou em parte, e disse que é hipocrisia quem pensa que isso só acontece em assessoria, e lembrou que toda redação se rende a algum patrocinador.

Deu a dica pra quem quer seguir a carreira, que tem que conhecer muito bem as linhas e redações de diversos jornais, e saber da importância do final de semana, porque o final de semana a redação trabalha com bem menos da metade do seus repórteres e não há muita noticia, sendo a oportunidade para que o assessor descarregue as melhores noticias de seu assessorado. E a mídia como nós já sabemos interfere muito na opinião política do país. Por fim agradeceu, disponibilizou-se para ajuda e convidou a quem se interessou para ir visitar a Camara dos Vereadores de São Paulo.

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: